Ao dizer que “O Senhor nosso Deus é o único Senhor”, Jesus disse que não é Senhor?

“Jesus respondeu-lhe: “Ouve, Israel, o Senhor nosso Deus é o único Senhor. Amarás ao Senhor teu Deus de todo o teu coração…” (Mc 12.29-30).

Texto muito usado para negar a deidade de Cristo Jesus. Os trinitaristas não negam que há um só Deus, conforme diz a Escritura (Is 45.6,14), e não pregam a existência de três deuses, mas acreditam no Deus em Trindade, ou Deus trino, em que o Pai é Deus, o Filho é Deus, e o Espírito é Deus (Is 9.6; Mt 28.19; Jo 1.1,14; 8.58/Êx 3.14; 20.28; Cl 2.9; At 5.3-4; Jd 4; 1 Pe 3.15).

Analisemos: “Todavia, para nós, há um só Deus, o Pai, de quem é tudo e para quem nós vivemos; e [há] um só Senhor, Jesus Cristo, pelo qual são todas as coisas, e nós por ele” (1 Co 8.6).

Pergunto: Quem é o ÚNICO SENHOR? O Deus Pai de Mc 12.29, ou o Filho, Jesus Cristo, de 1 Co 8.6? Jesus responde: “Vós me chamais Mestre e Senhor e dizeis bem, porque eu o sou” (Jo 13.13). Adiciono a declaração de Tomé, dirigida a Jesus: “Senhor meu, e Deus meu”. Ao que Jesus, aceitando, disse: “Porque me viste, Tomé, creste; bem-aventurados os que não viram e creram”(Jo 20.28-29). Bem-aventurados somos nós que não estivemos pessoalmente com o Filho em carne, não vimos seu corpo ressurreto, mas mesmo assim cremos que desde o princípio o Verbo era Deus estava com Deus, e o Verbo era Deus (Jo 1.1).

Logo, semelhantemente ao Pai, o Filho é SENHOR e DEUS.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *